5 cuidados necessários em programas de incentivo

incentivo

Uma das maiores preocupações de um gestor é manter o seu time sempre motivado e engajado com as metas da organização. Afinal, são os recursos humanos os responsáveis pelo funcionamento e crescimento da empresa. Nesse cenário, é muito importante desenvolver alguns programas de incentivo, que podem e devem servir como um impulso a mais para o envolvimento do seu time.

Hoje em dia são muitas as possibilidades para as empresas que querem criar programas de incentivo para os seus colaboradores: pode-se pensar em eventos especiais, viagens, bonificação por metas, entre muitos outros. O mais importante é garantir que o programa seja desenvolvido de forma acertada e garanta melhores resultados para a empresa.

Neste artigo vamos avaliar quais são os 5 principais cuidados necessários para a criação e implementação dos programas de incentivo na sua empresa. Acompanhe!

1. Planeje o programa de incentivos

Antes de mais nada, é fundamental organizar todas as etapas e passos do seu programa. Procure conhecer o seu time e entenda qual o melhor caminho para a sua empresa: qual o tipo de incentivo é valorizado e almejado pela sua equipe e qual o tipo de exigência que será feita.

Será um reconhecimento pela produtividade, pelo alcance de metas? O programa tem prazo de duração? Como serão feitas as entregas? Responder a todas essas questões é essencial para se pensar um programa que realmente faça a diferença na empresa. Lembre-se de ser objetivo e direto na organização e no funcionamento, garantindo que todos compreendam e se interessem em participar.

2. Seja realista nas metas

Se o seu programa de incentivos estiver relacionado ao cumprimento de metas, lembre-se de estabelecer planos que sejam possíveis de se realizar. Selecionar metas inalcançáveis pode até motivar os seus colaboradores a se esforçarem muito por um período determinado, mas, posteriormente, a sensação de frustração pode ser muito prejudicial.

Por isso, ao criar as suas metas, pense em resultados importantes e significativos para a empresa, mas que sejam reais.

3. Dê sempre um feedback

Ao estabelecer um programa de incentivos, você acaba mobilizando toda a sua equipe em um novo estilo de trabalho, uma nova forma de enfrentar os desafios e dificuldades do dia a dia. Por isso, independente de quem tenha se destacado ou recebido o prêmio, é muito importante dar um feedback a todos os envolvidos.

Esse retorno é fundamental para que todo o seu time possa saber como está atuando e o que precisa ser alterado para que sua atuação seja ainda melhor.

4. Capriche na premiação

Um programa de incentivos deve servir, antes de mais nada, para motivar e engajar o seu time de colaboradores. Para isso, é fundamental que tenha uma premiação interessante, que ofereça alguma coisa que a sua equipe realmente deseja.

O maior desafio, então, é descobrir quais são os benefícios que podem encantar a sua equipe, e construir o programa a partir disso. Uma viagem a um lugar novo e incrível, por exemplo, não tem tudo para ser um incentivo e tanto?

5. Reconheça

Outro dos principais pilares do programa de incentivo é o reconhecimento daqueles que mais se destacaram. Cuide para que a premiação seja de conhecimento de todos, fazendo com que os premiados percebam a sua importância e se sintam relevantes para a empresa.

Para garantir a eficiência dos seus programas de incentivo, não se esqueça de tomar esses cuidados especiais, que vão permitir que você desenvolva um programa interessante e relevante, tanto para a equipe quanto para a empresa.

Agora que você conhece o passo a passo, é só aplicar na sua organização e perceber os melhores resultados. E não deixe de compartilhar conosco a experiência, indicando quais foram os melhores pontos do seu programa de incentivos. É só postar um texto nos comentários.

Deixe um comentário