Vai para Florianópolis? Veja este guia de bolso sobre o que fazer na cidade

Guia de bolso sobre o que fazer em Florianópolis

Está pensando em viajar para a cidade, mas não sabe muito bem o que fazer em Florianópolis? Não se preocupe! Este post foi produzido especialmente para você. Nele, apresentamos um guia com diversificadas opções de atividades que certamente vão agradar aos mais variados gostos.

Com um pouco mais de 450 mil habitantes, Florianópolis — também conhecida como Ilha da Magia — é cheia de atrações interessantes que podem ser desfrutadas em qualquer época do ano.

Entre elas estão praias, museus, ilhas, trilhas, cachoeiras e fortalezas que retratam a história, a cultura e os costumes da cidade. Ou seja, Floripa oferece uma grande variedade de opções turísticas que podem fazer qualquer viagem se tornar memorável.

Preparado para conhecer mais a fundo cada uma delas? Continue com a gente e confira!

Florianópolis e suas ilhas: ótimas opções para o verão

Se você é do tipo que não abre mão de ilhas com praias paradisíacas em suas viagens, em Floripa você encontra dezenas delas. A mais conhecida é a Ilha do Campeche. Com cerca de 1,6 km de extensão, a Ilha do Campeche é pura beleza natural, e certamente você vai se surpreender quando conhecê-la.

Isso porque a ilha é composta por águas calmas, cristalinas e azuis e por uma vegetação exuberante que faz qualquer pessoa sentir o desejo de não querer se despedir do lugar. O acesso a ela é feito por embarcação a partir da Praia do Campeche, da Praia da Armação ou da Barra da Lagoa.

Além dela, Floripa acolhe ainda outras ilhas famosas, como do Francês, do Arvoredo, das Aranhas, de Ratones, entre outras. Em especial sobre a Ilha das Aranhas, podemos ressaltar que ela possui uma vista para lá de privilegiada e, uma vez nela, o lazer é garantido.

Você pode fazer mergulhos emocionantes entre as fendas criadas pelas duas ilhotas que formam sua configuração. O ideal é visitá-la no verão, quando as águas estão bem clarinhas e perfeitas para você tirar fotos com os peixes que circulam no local.

Florianópolis e suas alternativas históricas e culturais: visitas em qualquer época

Nem só de praia vive o homem, não é verdade? Brincadeiras à parte, em Floripa você encontra não só beleza natural, mas também museus, fortalezas, teatros e igrejas que retratam a cultura e a história da cidade.

Ao se encontrar na cidade, você poderá ser transportado para diferentes épocas por meio de suas construções históricas. A seguir, veja algumas das principais que você pode visitar e sair de Floripa com a certeza de que conhece um pouco mais sobre o lugar.

Museu de Arte de Santa Catarina (MASC)

O MASC conta com um acervo de mais de 1.700 obras artísticas que revelam a identidade artístico-cultural da cidade. Além disso, acolhe obras expressivas de nomes artísticos nacionais conhecidos mundialmente, como Tarsila do Amaral. Você pode visitá-lo em qualquer época do ano. O local está situado no Centro Integrado de Cultura (CIC), no bairro da Agronômica, e a entrada é franca.

Museu Histórico de Santa Catarina (Palácio Cruz e Souza)

O Museu Histórico de Santa Catarina (Palácio Cruz e Souza), além de revelar traçados arquitetônicos com influências barrocas e neoclássicas, chama atenção pelos itens que abriga, como mobília, monumentos e utensílios utilizados ao longo do tempo pelos governantes que ali se instalaram. Conhecer esse museu é uma das melhores formas de saber como essas figuras viviam em períodos passados. O museu está localizado na região central da cidade, ao lado da Praça XV, que abriga a icônica figueira centenária.

Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)

Mais do que apenas um local onde as pessoas exibem cenas e contracenas, o prédio que abriga o Teatro Álvaro de Carvalho é histórico e remonta ao século 19. Localizado no Centro de Floripa, além de ter funcionado como espaço para debate político, também já foi uma prisão.

Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim

Entre suas grossas paredes, a Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim guarda a memória histórica da construção portuguesa na época do Brasil Colonial. Segundo historiadores, ela foi construída por volta dos anos de 1740, a mando do então primeiro governador da Capitania de Santa Catarina, o brigadeiro José da Silva Paes. O acesso à construção se dá, obrigatoriamente, por mar.

Igreja de Nossa Senhora da Lapa do Ribeirão da Ilha

A Igreja de Nossa Senhora da Lapa foi construída no século 18, por volta do ano de 1763, e está localizada no que hoje em dia é conhecido como um dos bairros mais charmosos da capital catarinense, o Ribeirão da Ilha.

Para chegar ao formato que tem hoje, a igreja passou por diversas reformas e só foi concluída, de fato, quando Dom Pedro II doou 400 mil réis para realizar os reparos necessários. Mais do que apenas história, ao visitá-la, você também poderá contemplar a arquitetura colonial que faz parte de seu visual superencantador.

Florianópolis e seu lado ecoturístico e aventureiro: atrações turísticas para qualquer estação

Se você gosta de aventuras e de passeios ecoturísticos, Floripa também pode lhe oferecer diversas opções. Abaixo, acompanhe algumas atrações e faça da sua viagem uma fonte de conhecimento e de emoção!

Dunas da Joaquina

Além de contar com uma vista privilegiada, as Dunas da Joaquina possibilitam aos visitantes uma experiência única de emoção e adrenalina. Por lá, ao mesmo tempo que é possível contemplar a beleza do lugar, formado pela linda praia da Joaquina e pela densa vegetação, pode-se fazer trilhas.

O caminho para elas? Ah, você é que escolhe! Basta seguir o destino apontado pelo seu coração. No fim da tarde, você pode apreciar um belo pôr do sol, sentado nas dunas, sendo um programa perfeito para casal.

Parque Ecológico do Córrego Grande

O Parque Ecológico do Córrego Grande é ideal para visita em família. Além de possuir dois lindos lagos e caminhos para trilhas cercados com muito verde, conta também com parque infantil, academia ao ar livre e espaços para a prática de esportes. A entrada é gratuita e funciona todos os dias, das 7h às 19h. O acesso ao local é feito pela rua João Pio Duarte Silva, no bairro Córrego Grande.

Cachoeira da Costa da Lagoa

Traduzido por muitos como um lugar de beleza sem igual, a Cachoeira da Costa da Lagoa é cercada por uma densa vegetação que pode fazer qualquer pessoa relaxar e sentir-se revigorada. Além disso, a água gelada que escorre das suas grandes pedras pode refrescar bastante os visitantes nos dias mais quentes.

Quando você for a Floripa, não deixe de visitar esse pedaço de paraíso localizado no lado oeste da Lagoa da Conceição. A Cachoeira da Costa da Lagoa pode ser visitada em qualquer tempo, no entanto a época mais recomendada para contemplar sua beleza é durante o inverno, estação que faz o seu leito transbordar.

Agora que você sabe o que fazer em Florianópolis, basta arrumar as malas e aproveitar muito a viagem. Não esqueça também de definir como fará os deslocamentos durante sua estada. Tudo deve ser calculado com antecedência para evitar impasses.

Se você tiver alguma dúvida quanto a isso, leia o texto que fizemos sobre como organizar o transporte em viagens e sempre conte com a nossa ajuda no que for preciso para que o seu passeio seja o mais confortável possível!

Deixe um comentário